CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS »

Seguidores

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Poesia


Image by: Ed Cox

A alma guarda lágrimas

Nas poesias mostra sua ira 

Sem se importar com rituais ou rimas

Recados, busca, pensamentos, amor, desejo, segredo, ironia, clamor…

Tudo se esconde no verso escrito 

Às vezes melodias contraditórias

De uma alma vivida 

A mesma alma vazia torna-se preenchida

Reticências demonstram

a espera

a procura de respostas

aquela resposta sufocada

o querer de algo mais…  

Na poesia brinca-se com a verdade

Joga-se com a mentira

Libertam-se as escravas euforias…

Frases sem nexo mostra

o reflexo de algo mágico

Na madrugada fria

É a sua companhia

Lágrimas são esquecidas

Aquecidas… 

Amanhece um novo dia

Novo começo…

Um novo final…

E na poesia

Fica eterna a alma de alguém imortal.


Aninha

3 COMENTÁRIOS!:

Marly Bastos disse...

Aninha,
A imortalidade começa na poesia, No derramar dos versos,
No chorar das rimas...
Mário Quintana diz mais ou menos assim:"Se o poeta não é imortal, porque me lês até hoje?"
Seja imortal(na escrita) enquanto vida tiveres e após a vida, vida ainda terás!
Obrigada pela visita, volte sempre! Logo terei tempo para postar coisas novas no blog.
Seguir-te-ei com carinho.
Beijos

Aninha disse...

Mário Quintana É imortal...

Obrigada pelo carinho...

Voltarei sempre...com certeza!!!

Bjs


Aninha

Santa Cruz disse...

Aninha_ Lindissimo esse poeta Mario é mais que imortal é o senhor da poesia. Um beijo
Santa Cruz

Acredite no poder da atração!

Vote!

Top30 Brasil - Vote neste site!